top of page

CAFÉ COM RH



SINDUSCON PROMOVE PALESTRA SOBRE ROTATIVIDADE EM EQUIPES


No dia 21 de maio, a sede do Sinduscon da Foz do Rio Itajaí foi palco de um evento significativo para as empresas associadas. O encontro recebeu profissionais do setor de Recursos Humanos e iniciou às 8h30, com um café de boas-vindas, proporcionando uma oportunidade para os participantes interagirem e trocarem experiências. Às 9 horas, Renata Petri Manerich, graduada em Processos Gerenciais e pós-graduanda em Neurociências e Desenvolvimento Humano, ministrou palestra sobre o tema "Rotatividade: A Realidade Desafiadora das Equipes Consolidadas".


Renata abordou os principais desafios enfrentados pelas empresas na manutenção de equipes estáveis e produtivas. A especialista destacou a importância de compreender os fatores que influenciam a rotatividade e apresentou estratégias para reduzir o turnover, melhorando o ambiente de trabalho e a satisfação dos colaboradores.


O evento contou com o apoio da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC) e do Serviço Social da Indústria (SESI), instituições parceiras que corroboram com a promoção do desenvolvimento empresarial. Após a palestra, às 10 horas, foi aberto espaço para um bate-papo interativo sobre boas práticas em Recursos Humanos, onde os participantes puderam compartilhar insights e discutir soluções aplicáveis ao cotidiano das suas empresas.


A iniciativa faz parte de uma série de cafés empresariais que o Sinduscon vem promovendo nos últimos meses, com o objetivo de levar conhecimento especializado aos profissionais das empresas associadas. A proposta é criar um ambiente de aprendizado contínuo, abordando temas relevantes e atuais que impactam diretamente a gestão e o crescimento das organizações.


A alta rotatividade em equipes de uma empresa pode trazer muitos prejuízos. Ela gera custos elevados com recrutamento e treinamento de novos funcionários, além de interromper a continuidade do trabalho. A perda de conhecimento institucional e expertise reduz a eficiência e a qualidade dos serviços. A rotatividade também afeta negativamente a moral e o engajamento dos funcionários restantes, criando um ambiente de incerteza. Além disso, prejudica a reputação da empresa, dificultando a atração de novos talentos.


Fonte: Informativo Construir

259 visualizações

Comments


WHATSAPP XX1.png
bottom of page